Ele me salvou!

Era Sexta-feira, um dia de sol; estava perfeito para um piquenique! Nós, juntamente com outra família de homeschoolers, fomos até um pequeno parque repleto de árvores, localizado em um bairro próximo ao que moramos.

PicsArt_08-15-01.39.55

Estendemos as toalhas no gramado, e, enquanto conversávamos, ficamos observando os meninos explorarem. Depois de certo tempo, contaram-nos que haviam encontrado um “túnel”. Um deles me chamou, e realmente parecia um túnel, embora fosse, na verdade, uma longa valeta. Alguns homens tinham cavado uma boa porção de terra para provavelmente colocar encanamentos.

Segui-os. Subiam e desciam aquilo, sempre procurando por uma parte mais alta e muitas vezes tão íngreme, que a relutância deles em tentar escalar, se tornava engraçada. Desci com eles também, e me envolvi naquele divertimento.

Depois que escalei uma parte, o mais novo deles, de 3 anos de idade, começou a tentar escalar ali também. Se esforçou muito, muito mesmo, escorregava mas tentava novamentente, até que viu que eu ainda estava lá em cima. Pediu por ajuda. Estendi minha mão e disse para ele que a segurasse. Acompanhadas de resmungos de muito esforço, suas palavras foram: “Vou tentar”.

Continuei segurando sua mão e dando as instruções de onde deveria pisar. Quando finalmente conseguiu, deu um suspiro e cochichou algo do tipo: “Salvei ela!”. Achei engraçado e certamente diferente a maneira como esta pequena criança tinha analisado e interpretado a situação.

Refleti sobre isso durante os últimos dias,  e percebi que muitas vezes fazemos exatamente a mesma coisa! Procuramos com todos os esforços, seguir o caminho do Senhor. Ele vê e sabe que precisamos de socorro e então nos ajuda. Depois que tudo acaba e chegamos ao topo, parece que não percebemos, que foi Ele quem estendeu-nos a sua mão e puxou-nos para cima. Pensamos que nós é quem somos dignos de algum mérito por termos feito algo para Ele.

Na verdade o que nós deveríamos de dizer é “Ele me salvou!”.

He saved me!

It was Friday, a sunny day; it was perfect for a picnic! We, along with another family of homeschoolers, went to a small park filled with trees, located in a neighborhood close to the one we live.

We extended the towels on the lawn, and as we talked, we watched the boys explore. After a while, they told us they had found a “tunnel”. One of them called me, and it really looked like a tunnel, though it was in fact, a long ditch. Some men had dug a good portion of land, probably to put pipelines.

I followed them. They climbed  up and down, always looking for a higher place which was often so steep that their struggle of trying to climb it became funny. I went down with them too, and got involved in that fun.

After I climbed one part, the youngest of them, who is 3 years old, began trying to climb there too. He struggled very, very much, he slipped down but tried again, until he saw that I was still up there. He asked for help. I reached my hand out and told him to hold it. Followed by mutterings of so much effort, his words were: “I’ll try.”

I kept holding his hand and giving instructions of where he should tread. When he finally succeeded, he sighed and whispered something like, “I saved her.” I found it funny and certainly different, the way this little child had analyzed and interpreted the situation.

I thought about this over the last few days, and I realized that we often do exactly the same thing! We try with every effort, to follow the path of the Lord. He sees and knows that we need help and then helps us. After everything is over and we reach the top, it seems we do not realize that it was He who held our hand and pulled us up. We think that we are worthy of some merit for having done something for him.

In fact what we should say is “He saved me!”

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s